quinta-feira, 16 de abril de 2015

10º BookCrossing Blogueiro





Está aberta a temporada de libertar livros! De hoje a 23 de Abril acontece o 10º BookCrossing Blogueiro e estou feliz por participar pela primeira vez. Costumo vez por outra libertar livros, mas não da forma organizada que propõe a Luma, do Luz de Luma, yes party!
Este ano, entretanto, quando meus filhos sairão de casa e minha biblioteca migrará para o atual quarto de minha filha, muitos livros entraram numa lista de desapego e este momento coincidiu com a realização do BookCrossing, o que me traz aqui.
Para participar é simples: basta ter um (ou mais) livros que queira libertar (tirar da prisão da estante e oferecer a ele nova oportunidade de ser lido e, a quem o encontrar [num lugar movimentado como uma lanchonete, um parque, o metrô..], uma boa chance de leitura), escrever uma dedicatória ou um bilhetinho explicando que o livro não está perdido e convidando quem o encontrou a ler e depois a libertá-lo novamente  como no exemplo abaixo:


Assim, o livro cumpre o seu destino de contar histórias, encantar, revelar, denunciar, libertar... e quem o liberou sente a alegria de ter participado de uma engrenagem que pode transformar vidas,  fazer leitores e, quem sabe um dia?, fazer melhor o lugar em que vivemos.


Para oficializar a experiência, faz-se um post sobre os livros que libertou e envia-se o link para a Luma a fim de que ela registre seu nome entre os participantes – eu estou neste etapa.

Os livros que libertei neste início de abril:

·       Uma caixa de papelão (dessas de supermercado) de livros de técnicas de redação – doada a uma prima que trabalha no ensino médio com esse tema;
·    Outra caixa com livros para o ensino de literatura - doada ao noivo de minha filha, também professor;
(Trabalhei muitos anos nessas áreas. É justo que esses livros continuem a inspirar quem começa a atuar onde parei)
·     Uma caixa de livros evangélicos para a futura sogra de minha filha. Ela coordena um grupo de estudos bíblicos que se reúne semanalmente;
·   6 livros evangélicos para uma amiga que quinzenalmente visita pessoas que lutam contra a depressão e entre as quais distribui literatura cristã. Ela sempre leva livros novos e recolhe os anteriores, mas se estes foram repassados ou se perderam, não há problema: “Sempre há livros novos que chegam”, diz ela serena, com um sorriso bonito.

E, finalmente, as libertações ligadas ao 10º BookCrossing Blogueiro:

– Minas de mim, com poemas de minha autoria;
– Dora e Dorinda – romance que escrevi em parceria com Abel Faleiro;
– O burrico Lúcio – de Léo Vaz. O livro conta a história do jovem Lúcio que, transformado em burrico, vive uma série de aventuras às voltas com ladrões, aproveitadores e escravos;
– O livreiro de Cabul – escrito por uma correspondente de guerra no Afeganistão, a norueguesa Âsne Seierstad, este livro é uma reportagem jornalística mas, ao mesmo tempo, um emocionante relato das condições extremas em que vive aquele povo e a importância, nesse contexto, do acesso aos livros: 



Desejo a todos os meus livros libertados uma feliz viagem ao encontro de novos leitores e experiências!


Ah!... Você já está participando do sorteio aqui do blog





Beijo&Carinho,


Jussara