quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Uma preciosa coleção




Ouvi dizer certa vez que todo colecionador tem um tantinho de loucura... não duvidei, pois já diz o ditado que “de médico e louco todos temos um pouco”.  Mas como meu desejo de agregar objetos que amo não se restringiu apenas aos livros (coleção iniciada na primeira infância), mas se estendeu às canecas, miniaturas de porcelana, casinhas, bonequinhas que representam professoras, bonecas de papel, fotografias de decoração, corujas, vaquinhas, galinhas, galos de Barcelos, ursos leitores... comecei a me preocupar.  Parti, então, para uma breve pesquisa e compartilho aqui o que descobri:


Nãooo... nem todo colecionador é louco! Colecionar é uma prática ancestral, pois já o homem primitivo colecionava objetos utilitários que o acompanhavam em seus deslocamentos. Vera Regina Grecco (http://escritoriodolivro.com.br/historias/colecionismo.html) explica que com o tempo as coleções se estenderam “aos objetos de uso religioso” e aos “evocativos”, “pois as ações humanas não são aleatórias, têm significado, são regulamentadas, repetidas, aperfeiçoadas e revestidas de simbolismo que pode ser transferido a elementos palpáveis”.


É perfeitamente saudável, portanto, o colecionismo que se faz por hobby, prazer ou razões afetivas. Segundo a Profa. Dra. Albina, da UNESP/Botucatu (http://blogdaretro.uol.com.br/?p=2104), “colecionar por gosto, por livre escolha, sem que isso atrapalhe os outros compromissos da vida diária, com certeza não é doença”.  “Quanto mais livre, agradável e produtivo um comportamento – diz a doutora – menores as chances de ele ser compulsivo ou doentio”. Por outro lado, quando a prática de colecionar objetos nasce da incapacidade de se decidir entre jogar fora ou acumular, da incerteza, insegurança ou medo de que o tal objeto possa fazer falta no futuro, então colecionar deixa de ser um prazer e se converte em perda da liberdade de optar, de agir conforme o próprio desejo, de tal modo que se torna motivo de sofrimento e atrapalha a vida. Aí, sim, colecionar é uma doença.


Regina Wielenska (http://www2.uol.com.br/vyaestelar/colecionismo.htm) diz que há quem acumule descontrolada e desordenadamente coisas como “comprovantes bancários de décadas, notas fiscais jurássicas (...) roupas imprestáveis, latas, potes de vidro, pedaços de barbante, jornais velhos”. Nestes casos, a casa pode se tornar um grande depósito de quinquilharias, difícil de limpar e de andar, o que se torna motivo de conflitos familiares.


Há tratamento para os casos mais graves, mas o portador da doença deve entender que vale a pena procurar ajuda a fim de recuperar sua liberdade de escolha e melhorar sua qualidade de vida.


Fiquei feliz com o resultado da pesquisa que legitima as minhas pequenas coleções nascidas do prazer que me dão, cada uma a ocupar seu lugar determinado, sem espalhar-se para fora dos limites já que não suporto bagunça e sou organizada ao extremo. Já me disseram que muita organização “por fora” indica “desordem interior”... pode até ser, mas isso é assunto para um outro dia.

Uma vez que as coleções não implicam necessariamente na loucura do colecionador – como me foi dado a entender no passado – reparto com você uma coleção linda, verdadeiramente preciosa, que, infelizmente, não é minha, nem sei a quem pertence. Recebi as imagens hoje, por e-mail, de uma ex-aluna, Mirella. Não havia, lamentavelmente, nenhum crédito atribuído a quem quer que fosse, colecionador ou organizador da mostra. Vale a pena, no entanto, admirar:


 
  

 
   

     

    
  

  

 

 
  
  
  

 


    
  

  

    


 


 

 
  
  

 


   

 
   
  
  
  


  
Não é mesmo uma preciosidade esta coleção?



Comente, comente, comente... vou amar!




  


Não esqueça de dar uma olhada nas regras para participar do Sorteio de dois livros e um kit para bordar da Clickfios: http://minasdemim.blogspot.com/2012/01/sorteio.html

  


  

Abraço!

35 comentários:

  1. Bom dia querida Jussara!
    Estou encantada com cada imagem, formato, suavidade nessas peças. Sem dúvida uma bela coleção, escolha feita a dedo.
    Querida após ler a explicação da postagem, sobre coleções, ou "hobby"... concordo que se colecionar for uma escolha por gosto, espontaneidade, sem interferir na arrumação do ambiente do seu lar, sem se tornar fanatismo. Sou super a favor!
    Inclusive na minha infância colecionava enfeites em miniatura. Hoje em dia ainda tenho alguns, todos em uma prateleira.
    Beijinhos.
    Um fim de semana bem feliz!
    Lorena Viana
    pequena-prendiz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Hola, concisas y precisas letras desnudan a golpe de talento la germinal belleza de este blog, si te va la palabra elegida, la poesía, te espero en el mio,será un placer,es,
    http://ligerodeequipaje1875.blogspot.com/
    gracias, buen día, besos truhanes..

    ResponderExcluir
  3. Linda coleção.
    Eu coleciono cadeirinhas,todas numa mesma escala,de casinha de bonecas.Já tive outras coleções, mas agora sigo só com essa(por enquanto)
    Ju,passa lá no blog tem selinho prá você...Besitos

    ResponderExcluir
  4. Querida Jussara, cada vez que passo por aqui me encanto. Que peças maravilhosas; feito jóias. Fico imaginando as mãos que trabalharam com tanta sensibilidade, delicadeza, precisão e beleza!!!! Além de tudo devem ser raras.
    Quanto a colecionarmos objetos, tudo bem desde que não ultrapasse o limite do exagero, se colecionamos sentimentos que às vezes não nos fazem bem, por que não coisas que alegrem o coração??
    Bjkkkk =*

    ResponderExcluir
  5. Minha mãe coleciona xícaras (tem mais de 200) e eu coleciono bules. É sempre um prazer encontrar peças diferentes e aumentar a coleção.

    ResponderExcluir
  6. Formatos e cores tão inusitadas me fizeram pensar: A máxima " cada coisa em seu lugar" não vale frente à criatividade...Animais tão diversos em chícaras, preciosidades mesmo!
    Bjs,Ana

    ResponderExcluir
  7. Ah, Lorena, essas prateleiras com miniaturas são a minha loucura!rs
    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Don Vito,
    Gracias por el cumplido en el blog y mi escritura. Pronto tendré una visita a su sitio. No entendí bien lo que quieres decir con "besos truhanes", así que decidí no enojarme, ¿de acuerdo?
    Abrazo!

    ResponderExcluir
  9. Mi,
    talvez vc já tenha mostrado a sua coleção, mas sou novata na blogosfera e não vi :(
    Deve ser linda! Mostra, vai!
    Vou correndo lá pegar o selinho! Que chique!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Mônica,
    também pensei o mesmo: "parecem jóias"! Interessante é que chamo os pequenos objetos que coleciono de "coisas que alegram o coração". Veja só como estamos em sintonia! rsrs
    Abraço!

    ResponderExcluir
  11. Beatriz,
    fiquei louca de vontade de ver a coleção da sua mãe!... rs
    E meu irmão também coleciona bules! Amanhã é aniversário dele e até pensei em encontrar um bule bacana, mas essas coisas, você, sabe, não encontramos de uma hora para outra...
    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Ana,
    se me perguntassem se eu achava que lugar de bicho era numa xícara, eu teria dito que talvez um pavão - coisa vista na infância em porcelana chinesa - nunca essa variedade toda! Mas que ficou lindo, ficou, né?
    Abraço!

    ResponderExcluir
  13. Olá Jussara, tudo bem?

    Adorei ver essa coleção de xícaras,

    a gente nem sabe qual a mais linda,

    tem tantas, que eu amaria possuir.

    um beijo carinhoso

    Regina Célia

    ResponderExcluir
  14. Oi, Regina, quando vi pensei a mesma coisa: amaria possuir! Depois apenas me deixei levar pela beleza... =)
    Abraço!

    ResponderExcluir
  15. Eu fico encantada com tantos mimos e caprichos!
    Adorraria poder colecionar estas xícaras tb...lindas!
    Bjs...bom domingo e fique com bons pensamentos!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  16. Olá Jussara, tudo bem com você?

    Eu coleciono só um pouquinho... :)

    Mas me diga, como não colecionar essas maravilhas? Essas xícaras são simplesmente maravilhosas.

    ResponderExcluir
  17. Queridas CamomilaRosa e Regina,
    "Como não colecionar" esses mimos preciosos, verdadeiras jóias?
    Que bom que também gostaram. Tão bom tê-las aqui!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  18. Absolutamente lindo! Não tenho nem outras palavras pra dizer sobre isso... é lindo!
    Vim agradecer pela participação no sorteio!
    Boa sorte pra você e sempre que quiser compartilhar imagens lindas como essas, fica à vontade! rsrsrs
    Com certeza são obras de arte!

    ResponderExcluir
  19. Eu tô na maior torcida para ganhar, Aninha!
    Volte sempre. E um prazer tê-la aqui.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  20. Olá,Jussara!
    Obrigada por mostrar tanta beleza e delicadeza...faz bem à alma!
    Um beijo,Nena

    ResponderExcluir
  21. Que linda é esta coleção. Durante algum tempo colecionei caixinhas de porcelana.
    Bom domingos
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  22. Oi flor vim retribui sua visita e adorei saber mais sobre a arte de colecionar. Espero que vc faça um post com as suas coleções, de preferência TODAS Rsrsrs. Essas imagens são de porcelanas, se eu não me engano, da China. Inclusive há uma série feita com o nome Amazônia. Acho que a compra pode ser feita pela internet, mas é bem caro. Se eu achar o link, volto aqui pra te dizer OK? - Bjus! Excelente domingo!

    ResponderExcluir
  23. Eu é que agradeço seu carinho Nena. Volte sempre, querida. Será sempre bem vinda!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  24. Maria, as caixinhas de porcelana também me enlouquecem... rs. Nos romances ingleses e franceses que retratam o século 19, há sempre algum duque que coleciona caixinhas de rapé. Lindas!
    Espero que você ainda conserve as suas...
    Abraço!

    ResponderExcluir
  25. Oi, Vera, obrigada! Vou esperar seu retornoo com o link. Vou amar!
    quanto às minhas coleções, vou postando aos poucos... rs
    Abraço!

    ResponderExcluir
  26. Boa noite querida, vim retribuir sua visita e carinho, sua coleção é simplesmente maravilhosa. Eu no momento não coleciono nada, mas acho muito legal e saudável, é sempre um sentimento muito bom quando conseguimos uma nova peça pra nossa coleção. Bjs. Ótima semana.

    ResponderExcluir
  27. Oi Jussara, é a Vi, com certeza é uma coleção dessas que a maioria das mulheres gostaria de ter, são chávenas lindas, com uma riqueza de detalhes de cair o queixo.
    Muitos beijos,Vi

    ResponderExcluir
  28. Jussara querida, passando para desejar uma abençoada semana, repleta de muito amor.
    Beijinhos carregado de afeto!
    Lorena Viana.
    pequena-prendiz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  29. Jussara, parabéns pelo post. As xícaras são dignas de coleção de rainha. Eu sempre admirei pessoas que colecionam objetos. Acho tão interessante isso.
    linda semana
    yvone

    ResponderExcluir
  30. Sheila,
    a coleção não é minha, mas eu bem que gostaria que fosse... rs
    Abraço!

    ResponderExcluir
  31. Vi, Yvone e Cícera,
    concordamos todas quanto à beleza da coleção. Não dá vontade de possuir pelo menos uma chávena dessas?
    Abraço!

    ResponderExcluir
  32. Lorena, querida, obrigada! Desejo o mesmo a você. Torço também para que um dia você faça um post com sua prateleira de miniaturas!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  33. Nossa, lindas demais!!!!
    Eu gostaria de ter todas!!!
    As de beija flor e borboletas então...
    Bjão Jú.

    ResponderExcluir
  34. Waldinha,
    a xícara de beija flor é a minha preferida! Linda demais!
    Beijo, lindo final de semana!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário :)
Volte sempre!